26.7.04

cockney rhyming slang

há mais de dez anos que ando perfeitamente fascinado com um código de linguagem tipicamente londrino que utiliza expressões rimadas para substituir palavras. o seu nome - cockney rhyming slang. à letra, calão rimado cockney (londrino). o que é exactamente o cockney rhyming slang? na sua forma mais simples, utiliza conjunções de palavras, sendo a última usada para sugerir uma rima que é a sua definição. confusos? pois é... por exemplo, uma das expressões mais famosas e usadas é apples and pears, que significa stairs. como normalmente o rhyming slang é abreviado pela primeira palavra, o exemplo anterior ficaria apples para definir "escadas". a confusão aumenta e as frases onde o calão é incorporado tornam-se muito mais difíceis de entender. quando a frase contém dois ou mais elementos de calão, o seu significado torna-se tão obscuro para os iniciados que parece mesmo outro idioma. aqui jaze o seu objectivo original, como uma forma de discurso codificado. o seu entretenimento deriva da forma como as rimas são aplicadas, do carácter irónico das mesmas.
a palavra cockney, para quem não sabe, é utilizada para designar um habitante da zona leste de londres. o calão rimado, como parte do vernáculo cockney, apareceu em meados do século xxix. é sugerido frequentemente que surgiu entre os feirantes e os pequenos criminosos da época para dissimular as suas práticas pouco lícitas do público em geral e da polícia. também foi utilizada pelo underworld, sendo mesmo ensinada às forças policiais para que estas pudessem trabalhar à paisana inflitrados entre a mafia londrina. cockney rhyming slang está tão prevalecente no inglês britânico que muita gente, mesmo sem se aperceber, o utiliza no seu discurso normal do dia a dia. muitos dos termos seguintes são usados em conversação por habitantes de toda a grã-bretanha:

"Let's have a butchers at that magazine" (butcher's hook = look)
"We're in a spot of barney!" (barney rubble = trouble)
"Can you Adam and Eve it?" (Adam and Eve it = believe it)
"Lovely pair of rasberries!" (rasberry riple = nipple)
"You're losing your barnet" (barnet fair = hair)
"I haven't heard a dicky bird about it" (dickie bird = word)
"Use your loaf and think next time" (loaf of bread = head)
"Did you half-inch that car?" (half-inch = pinch, roubar)
"Hello me old china" (china plate = mate) 
"I'm going on my tod" (tod sloan = alone, ou own)
"Are you telling porkies?" (porkies = pork pies = lies)
"Are you going to rabbit all night?" (rabbit and pork = talk)
"That's an expensive looking whistle" (whistle and flute = suit)

convém ser referido que a maioria das expressões currentemente aplicadas não têm a sua origem no cockney original. o nome cockney rhyming slang é um termo lato para o estilo de calão que usa a técnica rimática. os verdadeiros cockneys têm muito orgulho no seu vernáculo tão próprio e sentem algum ressentimento pelas imitações mais recentes, particularmente quando se associam ao cockney rhyming slang. desde os anos 80 que se tem assistido a um ressurgimento do calão, tido como cool pelos mais jovens, com inúmeros exemplos novos a aparecerem todos os dias. o rhyming slang moderno utiliza frequentemente nomes de pessoas famosas para descrever algo. alguns exemplos típicos:

Ayrton Senna = tenner (nota de dez libras)
Claire Rayners = trainers (sapatilhas)
Darren Gough = cough
Rosie Lee = tea
Gregory Peck = neck
Damon Hill = pill
David Gower = shower
Gary Ablett = tablet (pastilha de ecstacy)
Gary Glitter = shitter (anús)
Gianluca Vialli = charlie (cocaína)
Jack Dee = pee (mijar)
Janet Street-Porter = quarter (um quarto de onça de haxixe)
Tony Blair (s) = flairs or hair

fica também uma pequena selecção de expressões mais antigas, mas ainda utilizadas:

ruby murray = curry
barnet fair = hair
mickey mouse = house 
hampstead heath = teeth
deep sea diver = fiver (nota de 5 libras)
mince pies = eyes
china plate = mate
pen and ink = stink
septic tank = yank (uma pessoa dos U.S.A.)
whistle and flute = suit

vamos lá tentar traduzir o seguinte exemplo:
orig - "Hello me old china - what say we pop round the Jack. I'll stand you a pig and you can rabbit on about your teapots. We can 'ave some loop and tommy and be off before the dickory hits twelve." 

trad - Hello my old mate (china plate) - what do you say we pop around to the bar (Jack Tar). I'll buy you a beer (pig's ear) and you can talk (rabbit and pork) about your kids (teapot lids). We can have some soup (loop de loop) and supper (Tommy Tucker) and be gone before the clock (hickory dickory dock) strikes twelve. 

e mais um exemplo para terminar a aula:

orig - "Got to my mickey, found me way up the apples, put on me whistle and the bloody dog went. It was me trouble telling me to fetch the teapots."

trad - Got to my house (mickey mouse), found my way up the stairs (apples and pears), put on my suit (whistle and flute) when the phone (dog and bone) rang. It was my wife (trouble and strife) telling me to get the kids (teapot lids)."  

3 Comments:

At 1:26 da tarde, Anonymous Anónimo said...

Muito interessante.
Gostei da lição!
Blogs assim fazem a diferença

«O prometido é devido»
AS

 
At 4:38 da tarde, Blogger Angola sem côr said...

Obrigado, mitra. Desconhecia por completo. Levei uma impressão para mostrar ao meu filho. É engraçado pensar que, mesmo que se tenha um razoável conhecimento da lingua inglesa, corre-se o risco de ouvir uma conversa, entender as palavras, mas não compreender "patavina" da mensagem.
:-)

 
At 3:52 da tarde, Blogger Alessandro Ciapina said...

Parabéns pelo post, as informações foram bastante úteis!

 

Enviar um comentário

<< Home

Free Web Counter
Counter